Notícia

29/05/2013 - Topocart adota PMBok na elaboração de programas ambientais

 A Topocart trouxe mais uma inovação no que tange ao gerenciamento dos programas que compõem o Plano Básico Ambiental (PBA) de obras e atividades sujeitas ao licenciamento. O PBA é um instrumento de gestão ambiental utilizado para mitigar os possíveis impactos a serem gerados por determinado empreendimento, durante as fases de implantação, operação e desativação de canteiro de obras. Cada impacto identificado no estudo ambiental recebe um programa específico, no qual são traçados os objetivos para sua mitigação e são determinados conteúdo, custo e prazo de execução.

 
Reconhecendo que os programas ambientais são pequenos projetos e que o seu sucesso necessita do apoio de modernas ferramentas de gerenciamento, a TOPOCART adotou  em seus estudos ambientais as técnicas do Project Management Body of Knowledge, comumente conhecido pela sigla PMBok. O PMBok apresenta um conjunto de práticas a serem empregadas no gerenciamento de projetos tendo como área de conhecimento a gestão do tempo, do escopo, do custo, da qualidade, dos recursos humanos, da comunicação, do risco, das aquisições, da integração e dos envolvidos no projeto. 
 
“A utilização dos instrumentos apresentados pelo PMBok na elaboração dos programas ambientais tende a garantir a sua efetiva execução, principalmente nos projetos de grande magnitude e que normalmente envolvem orçamentos vultosos, pois, nesses casos, os projetos atraem a atenção pública e interesse político por causa do imenso impacto, direto e indireto, que provoca na comunidade, no ambiente e nos orçamentos públicos e privados” destaca a Executiva de Projetos de Meio Ambiente Gisele Batista. A utilização das práticas apresentadas pelo PMBok ganha importância, pois permite reduzir os riscos financeiros e legais, bem como minimizar as possibilidades de prejuízos para empreendedores e sociedade em geral.